Blog

Projeto de aprendizagem da empresa Transauto é exemplo de desenvolvimento do Aprendiz

O Gerente Comercial e Logística da empresa nos contou como é trabalhado o Programa de Aprendizagem e como a Transauto colabora para o futuro dos aprendizes.

 

Convidamos a aprendiz Gabriela Mafei para falar sobre o desenvolvimento dos aprendizes da empresa Transauto. Como aprendiz do CAMP SBC, ela pôde acompanhar as atividades desenvolvidas na empresa e assistir aos trabalhos finais. Confira o que ela achou dessa experiência:

 

Para ser um aprendiz do CAMP SBC, você precisa ter de 15 a 17 anos, atingindo essa idade, você pode se inscrever para o Programa de Formação Básica para o Trabalho. Quando você estiver preparado, será encaminhado para as entrevistas nas empresas parceiras. Caso você tenha entre 18 e 21 anos, deve se inscrever e aguardar o encaminhamento direto para as entrevistas nas empresas parceiras.

Quando você se torna aprendiz, existem dois tipos de contrato: De 4 horas e o de 6 horas, sendo assim, você comparece na empresa 4 dias e em 1 dia da semana comparece ao CAMP SBC, para reforçar os seus conhecimentos no P.A. (Programa de Aprendizagem).

Vale reforçar que na vida somos eternos aprendizes, sempre vamos ter algo para aprender, sempre existirão coisas novas para conhecermos, sempre encontraremos novidades e coisas que nunca vimos.

O CAMP SBC é uma instituição de formação e integração social para todos. E quando se fala em dedicação aos jovens, é impossível não pensar na empresa Transauto, parceira do CAMP SBC. A Transauto é uma empresa que se preocupa com os seus aprendizes, não só na forma como trabalham, mas principalmente na formação pessoal e profissional dos mesmos, fazendo o possível para aumentar sua bagagem cultural,  com mais visão de mundo e conteúdo. Eles dedicam um tempo especial aos jovens para motivá-los na vida e no trabalho. Na Transauto, os gestores acreditam que todos os aprendizes têm a capacidade para se desenvolverem e conquistarem todos os seus objetivos, basta ter alguém que lute com eles e que acima de tudo, acredite no seu futuro.

Se você tem o poder de ensinar, use essa sabedoria, pois o aprendizado é a única coisa que ninguém nunca vai poder tirar de você, se você pode ser melhor para alguém, por que não ser?

Como podemos perceber, a Transauto é uma empresa diferenciada quando se fala dos seus aprendizes, com isso, ao término do contrato, o jovem desenvolve um trabalho final, semelhante a um TCC. Esse trabalho envolve tudo que o jovem aprendeu na empresa, o que vivenciou, pontos positivos e negativos. Também são cobrados alguns pontos importantes sobre a empresa e o trabalho desenvolvido pelo aprendiz, para saber se o mesmo absorveu as informações e ensinamentos passados durante o tempo que permaneceu lá. O trabalho é entregue impresso e apresentado para os gestores.

Tivemos a oportunidade de acompanhar esse trabalho de perto, eu como aprendiz de comunicação, tive a honra de assistir às apresentações de uma turma. No dia da apresentação, a mesa é composta por uma equipe de RH, áreas envolvidas do aprendiz e por uma assistente social do CAMP SBC.

A apresentação dura cerca de 30 minutos, sendo assim, em 15 minutos o jovem precisa expor o seu aprendizado na empresa, nesse tempo ele relata o que aprendeu, o que ele mais gostou de fazer, suas dificuldades, avanços, fala como é trabalhar em equipe, como é aprender a lidar com os clientes, parceiros e colegas de trabalho, assim, percebe o seu amadurecimento.

O Gerente Comercial e Logística da Transauto, Franz Stuksa, enviou um depoimento ao CAMP SBC, falando sobre a importância deste trabalho realizado com os aprendizes:

A dádiva de ensinar para quem precisa!

Os aprendizes merecem a nossa atenção, pois são eles que num futuro bem próximo irão gerenciar o Brasil. Cabe a nós darmos uma oportunidade para os aprendizes do CAMP SBC, para que eles possam explorar o seu potencial e desenhar um caminho de sucesso com felicidade. Devemos fazer com que os aprendizes venham a consolidar a sua dignidade e que fomentem resultados para a sua carreira!

Compete a um líder dedicar seu precioso tempo profissional a um aprendiz, pois o ego também pode movimentar montanhas. Porém, cabe a nós cobrar do aprendiz uma maior dedicação, desempenho, garra na execução de um trabalho e resultados.

Gerente Comercial e Logística da Transauto, Franz Stuksa

Permanece uma pergunta: “Como fazer isso de forma correta e consciente?

Ao longo dos últimos quinze anos realizamos inúmeras melhorias, essas que alavancaram em resultados positivos e a efetivação do aprendiz, pois foi possível detectarmos que o aprendiz tem um potencial a ser explorado. Estas são algumas das etapas que motivaram os nossos aprendizes a não esquecerem da Transauto:

  • Elaboração de um cronograma de trabalho, onde serão estabelecidas as etapas e datas do programa de aprendizagem do início ao fim e áreas a serem visitadas;
  • Definir os pontos e os conteúdos a serem abordados e aprendidos;
  • Definir etapas de avaliação (a cada seis meses) com acompanhamento do educador social do CAMP SBC;
  • Apresentação de um trabalho de conclusão do programa que será avaliado por uma banca examinadora composta pela equipe de RH, áreas envolvidas do programa e CAMP SBC. O tempo máximo de apresentação é de 30 minutos e o conteúdo deverá ser disponibilizado impresso e digitalizado;
  • A elaboração do TCC começa 120 dias do termino do programa com a pré fixação do tema e layout: padrão;
  • Avaliação oral;
  • Nota de conclusão do programa (global);
  • Certificado (sem valor; porém importante para o curriculum)

Ao longo do período de aprendizagem o jovem deverá aprender a lidar com os clientes, parceiros e colegas de trabalho (via e-mail, telefone e mídias), visando o amadurecimento do seu desenvolvimento comunicativo (expondo claramente ideias, sugestões ou melhorias).

O aprendiz deverá ler no mínimo três livros (conteúdo: assunto pertinente às áreas a serem visitadas), visando o aprimoramento de seus conhecimentos na língua portuguesa, vocabulário, gramática, escrita e interpretação.

Passaram pela área Comercial & Logística da Transauto quinze aprendizes (13 meninas e 02 meninos), desses foram efetivados cinco e três tiveram a oportunidade de trabalhar em outras companhias do mesmo segmento da nossa empresa.

Lição de vida: “Ensinar é um dom que recebemos e que não devemos segurar!”

Com tudo isso, pude perceber como é importante o aprendizado, como é importante querer evoluir e acima de tudo, ser melhor para si mesmo, carregar dentro de si conhecimento é algo raro, é algo que poucas pessoas atualmente se preocupam em ter, mas eu espero que ainda existam pessoas como todos os funcionários do CAMP SBC e da Transauto que se preocupam com os jovens e com sua formação, educação é a base do ser humano, e eu tive a honra de participar e viver um pouco disso.

O desenvolvimento humano e sua evolução é o caminho e a chave para qualquer barreira!

“O ego também pode movimentar montanhas.”

Gabriela Mafei – Aprendiz de Comunicação de 2015 a 2017.

A empresa Transauto foi fundada em 1959 e é uma empresa especializada em transporte de veículos. Suas unidades situam-se em áreas próximas às grandes montadoras nacionais instaladas em diversos estados do Brasil. Isso aperfeiçoa sua capacidade de transporte, que está preparada para atingir a marca de 310 mil veículos por ano.

Ficou Interessado?

Faça como a Transauto e ajude a mudar o futuro dos nossos jovens!

CAMP SBC
O Gerente Comercial e Logística da empresa nos contou como é trabalhado o Programa de Aprendizagem e como a Transauto colabora para o futuro dos aprendizes.   Convidamos a aprendiz Gabriela ...
0 Comment

Leave a Comment

Your email address will not be published.